Blog


01/04/2019 Medicina

Estudo revela uma nova esperança para tratamentos de Alzheimer

A descoberta foi divulgada por professores da UFRJ

Estudo revela uma nova esperança para tratamentos de Alzheimer

A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) descobriu recentemente que a vacina contra a febre amarela também é eficiente para a proteção contra o zika vírus.

De acordo com os professores e pesquisadores, a descoberta teve como ponto de partida uma questão muito simples e com uma boa dose de curiosidade: testar se a vacina seria útil para proteção contra o vírus da zika.

 

 

Segundo o professor Jerson Lima Silva, integrante do Instituto de Bioquímica da instituição de ensino, o fato de esses vírus pertencerem à mesma família e de serem geneticamente e estruturalmente muito semelhantes reforçou ainda mais as expectativas positivas sobre os testes.

Os pesquisadores da UFRJ destacaram que foram observadas algumas mudanças nos índices de acompanhamento do zika vírus desde o ano de 2017. O ponto chave é que essas alterações coincidiam com o período de início do surto da febre amarela, época em que a vacinação foi mais abrangente e que o número de indivíduos contaminados pelo zika vírus caiu.

Testes realizados

A equipe de pesquisadores da universidade fez uso de dois grupos de camundongos para os testes iniciais. Um deles era de indivíduos completamente saudáveis e o outro com o sistema imunológico afetado, sendo mais dispostos à propagação do vírus zika.

Em ambos os grupos uma parte dos camundongos recebeu a imunização com a vacina contra febre amarela e a outra uma simples solução salina, sem nenhum tipo de efeito de imunização. Na sequência, todos os camundongos receberam injeções de zika (intracerebrais).

De acordo com as análises, sem a vacina os camundongos normais desenvolveram a doença e aqueles com o sistema comprometido morreram. Entre os vacinados, os mais propensos não morreram e todos do grupo tiveram uma redução da carga viral do zika no cérebro.

Assuntos relacionados: febre amarela, zika vírus